Novos Incoterms 2020 já estão em vigor desde o dia 1° de janeiro

Os novos incoterms – INCOTERMS 2020 entraram em vigor no dia 1º de janeiro de 2020. As mudanças sempre visam uma maior clareza e facilitação do comércio internacional aos seus usuários, importadores, exportadores e operações de toda a cadeia.

Havia uma expectativa de mudanças mais significativas, tais como a extinção do EXW e DDP, a eliminação do FAS, o desdobramento do FCA e a criação de um novo incoterm CNI. O que mais assustava os usuários era a extinção do EXW, pois esse incoterm é muito utilizado tanto nas exportações e principalmente nas importações.

Por fim, poucas mudanças ocorreram e foram mantidas 11 siglas, com a alteração do DAT – Delivery at Terminal para o DDU – Delivery at Place Unloaded.

Quando muitas mudanças acontecem de uma só vez, o mercado tende a ficar conturbado e movimentado demais, o que causa dúvidas excessivas e confusões nas negociações. Nesse caso, com mudanças mais sutis, a aceitação foi mais simples por parte das empresas.

 

Abaixo a listagem dos INCOTERMS 2020:

EXW – Ex Works – Na Origem (local de entrega nomeado)

FCA – Free Carrier – Livre No Transportador (local de entrega nomeado)

FAS – Free Alongside Ship – Livre Ao Lado Do Navio (porto de embarque nomeado)

FOB – Free On Board – Livre A Bordo (porto de embarque nomeado)

CPT – Carriage Paid To – Transporte Pago Até (local de destino nomeado)

CIP – Carriage And Insurance Paid To – Transporte E Seguro Pagos Até (local de destino nomeado)

CFR – Cost And Freight – Custo E Frete (porto de destino nomeado)

CIF – Cost Insurance And Freight – Custo, Seguro E Frete (porto de destino nomeado)

DAP – Delivered At Place – Entregue No Local (local de destino nomeado)

DPU – Delivered At Place Unloaded – Entregue No Local Desembarcado (Local de destino nomeado)

DDP – Delivered Duty Paid – Entregue Com Direitos Pagos (local de destino nomeado)

Autora: Ana Beatriz Z. Louzada Bridi, Despachante Aduaneiro.